Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Jazida Arqueológica do Gaio-Rosário



As escavações arqueológicas realizadas pelo Museu de Arqueologia e Etnografia de Setúbal, dirigidas por António Gonzalez e Joaquina Soares, puseram a descoberto a jazida arqueológica pré-histórica, na freguesia do Gaio/Rosário, em Julho de 1994, sendo a primeira estação a ser identificada no concelho.

Os trabalhos revelaram uma camada arqueológica dos inícios do Neolítico, com cerca de seis mil anos, correspondente a uma ocupação humana de carácter habitacional. Durante as escavações, foram recolhidos diversos materiais: lareiras com evidente ação do fogo; uma grande densidade de fragmentos cerâmicos decorados por incisão, impressões e motivos plásticos, pertencentes a recipientes destinados à confeção de alimentos e armazenamento; bem como numerosos instrumentos de sílex de pequenas dimensões, utilizados quer como flechas e arpões, quer como objetos cortantes. Este espólio arqueológico documenta não só a ocupação do local, como também a estabilidade do grupo humano que aí permaneceu.

A localização deste povoado junto à margem do Tejo sugere um tipo de economia baseado, essencialmente, na exploração dos recursos aquáticos. Após o Neolítico Antigo, o local foi abandonado e voltou a ser utilizado como lixeira doméstica, nos finais do século XVI ou inícios do século XVII.

Fonte: Retrato em Movimento do Concelho da Moita, Câmara Municipal da Moita, 2004

Município da Moita © 2015 | Todos os direitos reservados