Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Dia do Município na Moita: Cerimónia Pública de Atribuição de Medalhas Municipais



Img 0298 1 1024 2500
13 Setembro 2017

Como habitualmente, no feriado municipal, este ano a 12 de setembro, o Município da Moita homenageou diferentes personalidades, entidades e instituições que, ao longo do seu percurso e em diferentes áreas, elevaram o nome do Município, com a atribuição de Medalhas Municipais, em Cerimónia Pública, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A Medalha de Honra do Município foi entregue ao Centro Paroquial de Ação Social da Moita e ao Sporting Clube Vinhense que completaram 65 e 50 anos de existência, respetivamente. A Medalha de Mérito Económico e Social foi entregue às empresas locais “Carnes Loução” e “Retrosaria Ortiz”, enquanto a Medalha de Mérito Artístico e Cultural coube ao Professor Carvalho Rodrigues. Foi ainda distinguido, com uma Medalha de Bons Serviços Municipais, um trabalhador que completou quarenta anos ao serviço da Câmara Municipal.

A cerimónia contou ainda com um momento musical a cargo do clarinetista moitense, Pedro Almeida.

 

Intervenção do Presidente da Câmara Municipal da Moita – Rui Garcia

 

Medalhas de Honra do Município e Medalhas de Mérito Municipal 2017:

Medalha de Honra do Município ao Centro Paroquial de Ação Social da Moita, instituição particular de solidariedade social pertencente à Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Boa Viagem, fundada em 1952, que presta apoio à população sénior, infantil e mais desfavorecida, promovendo a integridade, respeitabilidade e satisfação como princípios de atuação. O Centro Paroquial tem uma atividade reconhecida no concelho, nomeadamente através do trabalho desenvolvido nos seus equipamentos: a Estrutura Residencial para Idosos, em Sarilhos Pequenos, o Jardim de Infância “O Ninho” e o Centro de Atividades de Tempos Livres “O Barco”, na Moita.

Medalha de Honra do Município ao Sporting Clube Vinhense, pelos seus 50 anos de existência e pelo trabalho de natureza desportiva e social realizado junto das camadas jovens, através do projeto “Escolas de Futebol” com a promoção da formação e ocupação dos mais novos. Atualmente com as modalidades de Futebol 11, Basquetebol, Cicloturismo, Boccia, Jogo de Setas, Matraquilhos, Snooker, Ping Pong, e Cartas, o Sporting Clube Vinhense é uma das principais referências desportivas do concelho da Moita.

Medalha de Mérito Económico e Social a Carnes Loução – Industrial Carnes, Lda., empresa dedicada ao abate e comércio de carnes. Celestino Loução abriu o primeiro talho nas Arroteias, em 1980. Atualmente detém 8 talhos, 6 dos quais no concelho da Moita. Em 1994, deu um novo impulso ao seu negócio com a construção da Fábrica de Desmanche e Transformação de Carnes, na Quinta dos Machados – Moita. A empresa Carnes Loução é uma das mais reconhecidas na nossa região e emprega hoje 60 trabalhadores.

Medalha de Mérito Económico e Social a Retrosaria Ortiz, na Baixa da Banheira. Esta loja abriu as suas portas em janeiro de 1974, pelas mãos de Lídia e Joaquim Ortiz que ali construíram uma das principais retrosarias da zona, transformando o espaço numa casa cheia de vida, onde os clientes tinham a certeza de encontrar sempre aquilo que procuravam. A retrosaria Ortiz, ou a loja da “Lídia dos Botões”, mantem-se de portas abertas ao fim de mais de 43 anos e continua a ser uma referência na Baixa da Banheira.

Medalha de Mérito Cultural a Fernando Carvalho Rodrigues, nascido em 1947 no concelho da Guarda, licenciado em Física pela Universidade de Lisboa e doutorado em engenharia eletrónica pela Universidade de Liverpool, professor catedrático, e investigador, é por todos conhecido como o “pai” do satélite português. No entanto, Fernando Carvalho Rodrigues tem assumido, nos últimos anos, a defesa do património fluvio-marítimo, nomeadamente das embarcações típicas do Tejo, através da Marinha do Tejo, e com uma forte presença no nosso concelho, sendo proprietário de uma dessas embarcações.

Medalha de Bons Serviços ao Município a Manuel Luis Silva Angélica, 56 anos, natural da Moita, entrou para o quadro de pessoal da Câmara Municipal da Moita em agosto de 1976, tendo completado já 40 anos de serviço. Desempenha atualmente as funções de encarregado operacional do setor de eletricidade, da Divisão de Obras e Oficinas, do Departamento de Obras e Serviços Urbanos.

Município da Moita © 2015 | Todos os direitos reservados