Adjudicada reabilitação do Palacete dos Condes de Sampayo

Palacete do conde de sampayo 1 1024 2500 1 1024 2500 1 1024 2500
2021/02/03

Foi aprovada na reunião pública da Câmara Municipal da Moita, realizada a 27 de janeiro, a adjudicação da empreitada de “Conservação e Restauro do Palacete dos Condes de Sampayo - 1ª fase”, em Alhos Vedros, no valor global de 840.360,58 euros e com um prazo de execução deum ano.

Esta obra, inserida no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano – PEDU, no domínio da Regeneração Urbana, visa a reabilitação e conservação deste edifício histórico, na perspetiva da sua futura inclusão numa estrutura museológica municipal que o Município da Moita pretende integrar na Rede Portuguesa de Museus.

Sendo o edifício contíguo ao Moinho de Maré de Alhos Vedros, pretende-se ainda, com esta intervenção, ampliar as valências multifuncionais do Moinho, de modo a que o conjunto edificado possa assumir-se como um polo dinamizador do Largo do Descarregador e da vila de Alhos Vedros, fomentando uma utilização plena do espaço envolvente e criando, assim, um foco de interesse e atração para o concelho.

De salientar que estão já a decorrer as obras de requalificação paisagística do Largo do Descarregador. Neste espaço público central da freguesia, com funções de apoio às atividades náuticas e de lazer, o objetivo principal é a melhoria da circulação das pessoas e a aproximação ao rio. Os trabalhos incluem o ordenamento do estacionamento, o acesso dos reboques das embarcações até ao guincho, a criação de um parque infantil e de novas zonas verdes, numa área total de intervenção de cerca de 6 000m2, com um valor de investimento de 403 700 euros.

Esta intervenção faz também parte do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano do Município da Moita e é cofinanciada pelo FEDER, no âmbito da candidatura do Município da Moita ao Programa Operacional Regional de Lisboa.

dji_0096_pano

Município da Moita © 2015 | Todos os direitos reservados